Categoria "Casa & Decoração"
01.12.2017

Calendário do Advento Muumi 2017

Pra quem segue o blog desde o ano passado sabe que quando vi as lojas vendendo Calendário do Advento, fiquei desejada de criar o meu. Porém, fui pega de surpresa ao encontrar esse Calendário do Advento Muumi!

Enquanto escrevia este post, não tinha abrerto nenhum dia do Calendário do Advento mas dividirei os presentinhos lá no instagram @carapinheiroo e no @abelanaoafera e futuramente no Canal do Youtube. Então não perde tempo em seguir as redes sociais para ver esse mês de Dezembro mara que preparei para entreter vocês!

Desde que cheguei na Finlândia, criei uma certa fixação pelo mundo de Muumin e seus personagens.

Os Calendários do Advento comprados prontos em mercados, normalmente, tem como surpresas chocolates e eu não queria que fosse algo que eu posso simplesmente comprar.

Foi aí que o Calendário do Advento Muumi ganhou meu coração. Ele vem com 24 livrinhos com histórias sobre o Natal.

Eu sei, é bem infântil (WHO CARES?!) mas estou aprendendo Finlandês e sou apaixonada pelos personagens.

Paguei 14,90€ na Suomalainen Kirjaukauppa .

Quem quiser fazer o próprio Calendário do Advento, salvei algumas ideias lá no Pinterest e que vai ficar aqui na Barra Lateral do Blog durante dezembro. Ou se quiser, é só clicar aqui Advento e Natal na pasta A Bela, não a Fera – Pinterest

Como seria o Calendário do Advento perfeito pra você?!

19.10.2017

Tiny House

http://tinyhouseblog.com/uncategorized/code-friendly-fresnos-california-tiny-house-company/

@Tiny House Blog

Vocês conhecem o movimento Tiny House?

É um movimento social que acredita na sustentabilidade e mobilidade de moradia. Com casas que geralmente não passam de 50 metros quadrados (maior que muito apartamento por aí) a idéia é ter uma pegada de carbono baixa, uma maior consciência de consumo e viver em mais harmonia com o espaço ao redor. Muitas das casas são construidas em cima de armações de trailers, para a mobilidade ser garantida. Esse movimento tem fortes influências no Minimalismo. Nem tanto no visual minimalista mas na filosofia. Afinal em um espaço pequeno tem pouco lugar para áreas clean e de respiro para o olhar.

Morar com pouco requer esforço e presença de espírito e mente. Tem que se estar muito alinhado com seu eu interior para falar “não” para muita coisa. Tiny living não é só uma moda é realmente um estilo ativo de vida.

Aqui no Brasil é um movimento em tímido crescimento. Tiny house nasceu para ser uma alternativa barata para os Neozelandeses e americanos que queriam fugir da hipoteca e das casas de 200m². No exterior, com um pouco de conhecimento e de mão na massa é possível se construir uma casa com US$18.000. Aqui um projeto “barato” não sai por menos de R$90.000. Sem contar o terreno.

A ideia é tentadora. Morar no mato, com uma pequena horta, em harmonia com a sociedade, vivendo em paz. Na prática, ao meu ver, aqui no Brasil a ideia só é sustentável se a pessoa já tem grana para “largar tudo” e comprar um terreno no interior. Como mulher urbana do centro de São Paulo não consigo imaginar esse movimento acontecendo aqui. Tenho a impressão que para se viver Tiny no Brasil tem que ser Big. Tanto em terreno quanto em grana.

É um movimento encantador que eu sonho um dia fazer parte. Por enquanto eu só namoro os inúmeros vídeos do Bryce no canal Living Big in a Tiny House. Espero um dia alcançar esse nirvana de carreira, onde eu possa trabalhar de casa/remoto e morar com umas galinhas e uns pés de alface!

Much Love

Verá

09.10.2017

Moomin duvet por Finlayson – Original da Finlândia 💟

Acho que sou fraca para coisas do fofinhas, principalmente se forem do Moomin.

Existem coisas que são chamadas de luxo aqui na Finlândia e definitivamente uma capa de edredon do Moomin da marca Finlayson é algo a se falar á respeito.

Digamos que metade do ano é frio e que eu sempre estou com meu edredon, seja pra dormir ou assistir filmes e que prezo muito por sensações que coisas podem me proporcionar, esses foram os maiores motivos da compra.

Esses dias rolou uma super vendas em uma loja grande daqui e mesmo torcendo o nariz, dei uma olhada nos produtos. O único que valia a pena pra mim era esse duvet que era 56 euros e paguei 36.

Outro motivo da compra foram os textos dos quadrinhos em inglês e que dizem “de volta á natureza”😍

Finlayson foi fundada em 1820 por um escocês que veio morar em Tampere – Finlândia.

Definitivamente foi uma compra sábia e que de agora em diante só apostarei nessa marca, mesmo sendo mais cara, sei que é durável.

Pode ter certeza que você verá muito esse duvet em fotos por aqui! 💞

Você conhece a marca ou o personagem? 

*Esta não é uma publicação públicitária. 

Página 1 de 3123
Translate »