Categoria "Mulher"
03.03.2016

5 personagens femininas que me inspiram

5 personagens femininas que me inspiram

Decidi citar apenas 5 personagens femininas que me inspiram por motivos de: vocês ficariam pelo menos três dias lendo sobre mulheres maravilhosas aqui.

Na verdade, escolhi apenas duas personagens. As outras três foram mulheres reais. E muito reais.

Charlotte BrontëCharlotte Brontë

” O coração humano tem tesouros ocultos, no silêncio mantido os pensamentos, as esperanças, os sonhos, os prazeres, cujo os encantos se quebram se revelados.” 

Para quem não reconhece esse nome, fiz a resenha do livro Miss Brontë mês passado. Ela é uma das irmãs Brontë, escritoras de 1800.

Imagine que nessa época, mulheres não poderiam escrever, muito menos escolher os livros que leriam – tudo passava previamente pela mão dos maridos e/ou pais e irmãos.

Quando Charlotte lançou Jane Eyre e todos descobriram que uma mulher tinha escrito aquele livro, tudo foi considerado muito vulgar. Onde já se viu uma mulher pensante, que enfrentava o patrão?!

Mesmo hoje, em pleno 2016, seus livros causam torpor para quem lê e enxerga todas as lutas que a personagem de seu livro superou.

Daenerys Targaryen Daenerys Thagaryen

“Há assim tão grande distância entre a loucura e a sabedoria?”

Nas últimas temporadas ela tem se mostrado meio cabaça, confesso. Tendo umas atitudes bem ‘por… por quê você tá fazendo isso, miga?!’ mas a Daenerys não dá o braço á torcer (mesmo fazendo escolhas erradas) quanto a decisões. Ela bate o pé e manda os dragões para cima sem medo do que pensem depois… Se sobreviverem.

Simples ensinamentos de Daenerys:

  • Se cair, levante.
  • Prepare-se sempre para o que está por vir.
  • Fale várias línguas, vulgo –  não se feche em um mundinho medíocre. Seja mais.
  • Aprenda com os erros.
  • Seja você mesma, não importa o que pensem á respeito.

Frida Kahlo Frida Kahlo

“Ao fim do dia, podemos aguentar muito mais do que pensamos que podemos”

Modinha de estampas étnicas á parte, essa mulher de olhar sombrio apareceu em minha vida com 14 anos, em uma exposição que visitei com o pessoal da escola. Lá, o clima pesado das obras da mexicana mexera comigo pesadamente: eu precisava saber mais dela.

A visão superficial que as pessoas tem dela é que Frida defendia sua posição como mulher depois de passar por um casamento tumultuado mas ninguém sabe a batalha mental de cada uma de nós. Ser humano é difícil, independente da época de existência. Ela passou por abortos, tentativa de suicídio, se mutilava e ainda assim, tinha forças para transpor em quadros sua dor.

J. K. Rowling

J. K. Rowling

“Nunca se envergonhe, sempre existirão aqueles que serão contra você, mas eles não merecem a mínima atenção.”

Queridinha de 10/10 jovens que amam a saga Harry Potter, muitos não conhecem toda a história de vida da criadora do mundo bruxo.

Quem ainda não assistiu ao filme A Magia além das palavras, é parada obrigatória para quem acha que a J.K. hoje é a mulher mais RYCA de UK por causa de um mero livro. Tudo que ela passou: desde um casamento abusivo em outro país e ter sido a melhor mãe solteira do mundo é exemplo para várias mulheres que passam pelo mesmo.

LagerthaLarghertha

“Não conseguiria me matar nem se tentasse por 100 anos.”

Sabe a palavra ‘embucetada‘?! Essa M-O-L-I-E-R é porrada, tiro e bomba. No primeiro episódio de Vikings  ela mostra que não é um personagem bonitinho, que procria e aceita as regras impostas pela sociedade que vive. Ela grita, mete a espada e comanda.

Com o desenvolver das temporadas, você vai ficando mais de cara ainda com essa mulher de personalidade. Não aceita traição, decide se tornar líder e domina a Shield Wall (parede de escudos) durante as batalhas.

Não é só por que não estamos em uma comunidade Viking, que devemos aceitar tudo que nos for imposto, não é?!

Sempre que penso o quão frágil uma mulher pode ser, lembro de cada uma dessas aí em cima.

Agora para lembrar do quão forte mulheres podem ser, eu olho para essa foto aqui em baixoA Bela, não a Fera: Mulheres da minha vida. Foto do bday do ano passado: Irmã, Mãe e Vó ♥ – todas com suas histórias de superação, entre eles casamento abusivo, traição e ser chefe de família.Esse post faz parte da blogagem coletiva do grupo Blogueiros Geek.

Esse post faz parte da blogagem coletiva do grupo Blogueiros Geek.

24.11.2015

Eu quero uma esposa.

Recentemente parei para pensar na classificação esposa.

É engraçado como casais separam-se com certa frequência e em uma ou duas semanas, você vê o ex-marido á procura de uma nova esposa e/ou com uma nova.

Eu quero uma esposa

Vou explica por que também quero uma esposa.

Eu adoraria voltar do trabalho e ter a casa limpinha.

Ter a casa toda perfumada, com o leve aroma do jantar no ar, por que minha esposa fez tudo enquanto eu estava fora –mesmo sabendo que ela também passou o dia no trabalho.

As crianças cheirosas.

Quero uma mulher que leve e busque as crianças na escola.

Que deixe minhas roupas limpas, passadas e já colocadas no guarda roupas; e quando ficarem velhas, sumirem sem que eu perceba e sendo substituídas por novas.

Quero uma esposa que arrume minhas coisas em lugares que eu possa encontrar quando procurar – mesmo eu tendo deixado em qualquer lugar, anteriormente.

E se eu encontrar alguém que atenda melhor os requisitos do que a esposa que já tenho, quero a liberdade de substituí-la.

Naturalmente, espero uma nova vida, já que minha ex-mulher vai ficar com as crianças e eu estarei livre das responsabilidades.

Quando eu tiver um emprego melhor, quero que minha nova esposa peça demissão do trabalho para ficar totalmente comprometida com suas obrigações.

E ao chegar os finais de semana, ela entenda que eu quero-a linda, arrumada, como uma anjinha da propaganda de langeries.

Quem não gostaria de ter uma esposa?

Eu quero uma esposa

 

Este é um post de libertação de paradigmas criados para a denominação de ‘mulher’ e ‘esposa’.

Para você que se interessa por temas relacionados, acho legal conhecer essa postagem também:

Girls just wanna have fun(damental rights)

Tipo menina

Quando ele deixou de te tratar como uma princesa? 

04.09.2015

Girls just wanna have fun(damental rights)

Girls just wanna have fun 1

Durante essa semana estava conversando com um amigo e comentei com ele como desejaria um mundo paralelo onde os homens dessem em cima de caras (héteros), exatamente como esses seres machistas fazem -com desculpa de que é elogio te chamar de gostosa.

Depois dessa conversa, voltando para casa, cheguei até a me deparar com uma cena abusiva: uma moça com sua filha de uns 4 anos tinha ao lado um senhor com o ‘membro’ pra fora, se MASTURBANDO dentro do trem! Sem pudor algum e sem quem o fizesse parar. O sangue subiu, e quando me deparei com a cena e me dei conta, eu já tinha jogado o cara no chão e batia nele. Fiquei fora de mim, confesso.

Girls just wanna have fun 2

Hoje, passeando por essa internet rica de conteúdo, encontrei esse vídeo que condiz exatamente com o que pensei!

Esse é o Carlinhos, o machista gay:

Quanto tempo será que demorará para que os homens entendam que pegar no braço de uma desconhecida, parar na frente dela e abrir a porta do carro mandando entrar e/ou gritar no meio da rua ‘Que gostosa!’ ou ‘Que rabão!’, não é elogio?  Que primitivo!

Girls just wanna have fun 3

E se no caso, um garoto fosse assediado por mulheres?

Já passei por todas essas situações e algumas até piores, do tipo de perseguição. É assustador! Sou do tipo que manda ir pra aquele lugar e que ameaça voltar pra bater no cara. Isso não é engraçado, é algo fora do comum considerando que somos seres pensantes!

Girls just wanna have fun 4

Fiz essa postagem por que soou como desabafo mas gostaria de criar uma nova sessão no blog. Gostaria de ajuda para a escolha de nomes! ♥

Página 2 de 3123
Translate »