01.07.2016

A Magia do Mid Summer

Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera

Muito tempo atrás, William Shakespeare escreveu o Mid Summer Night’s Dream (Sonho de uma noite de verão) e mesmo estudando a obra, eu não conseguia entender qual era a paixão vivida pelos personagens com essa tal noite de verão, afinal, todo dia no Brasil É VERÃO.

Meu primeiro verão em terras Finlandesas já me deixou apaixonada desde a primeira noite/dia, como vocês podem ler no meu primeiro post aqui.

A magia é que não escurece. Nunquinha. No máximo, o céu fica um azul que lembra quando começa a escurecer, sabe?!

Entre os dias 20 e 26 de junho, aqui na Finlândia, comemoram o Mid Summer Fest –que eu pensava que era algum tipo de festival! Nada mais é do que o Solstício chamado  Ukon juhla ( “Festa de Ukko’s” ) e que o pessoal tem “um feriado para aproveitar os dias longos, claros e sem neve grudenta por todo lado. ”

O feriado do boy durou  da tarde do dia 22 á 26 e deu pra fazer bastante coisa.

Por sinal, aí começa o drama da Sauna, pra quem me acompanha no twitter.

Na quarta-feira quando o Antti chegou do trabalho, nós fomos assistir X-Man – que por sinal foi uma boxta por ter muitas partes com idiomas random, as legendas eram em Finlândes/Suéco e não entendi metade do filme. Valeu a pena pelo Evan Peters -, comer um hamburgão felizão num lugar que as atendentes não pareciam estar muito afim de trabalhar. Depois fomos caminhar um pouco pelo centro (no meu caso rolar, porque né), tem muitas fotinhos e videos pra mostrar tudo que vi mas mas ainda estou sem o acesso ao youtube 🙁 logo vou voltar a postar vídeos, prometo!Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a FeraMid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera

A quinta-feira foi praticamente assistir séries e comer. E aí fiquei sabendo da noite na chácara – o momento de tensão começa aqui. 

Minha sexta-feira já começou com o boy hiperativo mandando eu juntar o que eu preciso pra passar uma noite fora, que eu ia nadar e ir pra sauna e e que teríamos que sair para comprar coisas pra levar pra comer e beber… E eu ainda no modo: Cadê meu café?! 

Chegando lá tinha o pessoal que eu já conhecia e eu conheci a noiva do melhor amigo do Antti. Devo ter ficado quase duas horas sem abrir a boca porque eles estavam conversando só em finlandês, óbvio (que é uma coisa engraçada ficar no meio de uma conversação em um idioma que você não entende porque sobra tempo para você viajar na maionese mentalmente lol). Saí pra caminhar sozinha e encontrei um lago  e fiquei sentada um tempinho, pensando e agradecendo pela vida maravilhosa que tenho. Um tempinho depois o boy veio me amar ali naquela visão. Me senti abençoada por aquele momentoMid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera

Confesso que fui teimosa e bicho do mato em não pegar toalha nem roupa de banho pra ninguém me forçar a fazer essas coisas de ter que mostrar meu corpo poraí (poisé, ainda tenho neuras). Começaram a se agitar para ir pra Sauna e eu comecei a travar. Meu maior medo da sauna é porque tenho pressão baixa e eles ficam em uma temperatura de mais ou menos 80ºC 🙂 🙂 sensação do inferno.

Vamos ás verdades, que quem já leu sobre a cultura finlandesa, deve saber:

  • Se alguém falar que aqueceu a Sauna pra você e você recusar a ir, é uma puta falta de educação nível não dar parabéns pra sua tia que é viciada em dar bom dia em todos os grupos do Whatsapp.
  • Sim, eles vão pra Sauna N-U-S. E não tem nada de sexual nisso, eles querem apenas relaxar e curtir o calorzinho. Existem saunas separadas por sexo e tem quem vá de roupa de banho, tudo bem.
  • Depois/Durante a Sauna, normalmente eles tomam um banho gelado e/ou nadam em um lago. E voltam para a Sauna D:

Pois bem, depois de umas 30 partidas de Pong Beer, começou a pressão de eu ir pra Sauna e a Veera ofereceu pra ir na sauna primeiro comigo, depois os machos iriam. Eu estava relutante em ir, não queria, é sério mas aí eu coloquei a mão na consciência e pensei ‘porra, eu to em outra cultura, na viagem dos meus sonhos, com pessoas super legais… por que diabos eu sou cuzona assim?!’ e disse pro Antti: tô indo, beijos tchau. HUSIHAUIHSUIHAS Ele ficou com cara de DAFUCKA sensação é gostosa enquanto a sauna não está quente, porque como entramos primeiro, ainda não estava 100% aquecido, e dá uma moleza depois. Não sei se é só comigo ou se todo mundo fica zen.

Durante todo o dia, o pessoal ficou tomando suas cervejas, que por sinal, eu não gosto de cerveja, então levei uma bebida que chama GARAGE, que é tipo uma Smirnoff Ice 😀 Depois da Sauna, minha bebida tinha acabado :'( e o que me restou? Goladas da KARHU III do boy. Esse diacho me deixou meio beba.Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera

Nem percebi que era noite por causa do céu claro  mas aos poucos todos começaram a sumir dormir. Acenderam uma fogueirinha que tinha no gramado e fiquei olhando pro fogo por horas. Descobri que é comum acenderem fogueiras e ficarem sentados, olhando e relaxando. Viu?! Já faço parte da cultura.

A última coisa que eu lembro era do Petri vomitando no gramado e indo dormir na Sauna (?), depois disso acordei com o Antti me perguntando se eu queria café. Fizeram uma limpa na zona e aí fomos embora.

Pela tarde pegamos a motinha e fomos dar uma volta no centro pra tomar um sorvete. Pedi pro boy escolher o sabor e ele escolheu o de torrone, eu tenho que casar com esse cara♥ 

Adivinha o que eu tinha prometido na noite anterior? Ir na sauna do prédio com o Antti. HAAHAHHAHAHAHA PORQUEEEEEEE, ISABELAAAAAAAAAAAAA. PORQUEEEEEEEEEEEE?!?! Dessa vez eu senti a sensação do inferno (80ºC) e bem, não morri. Fiquei o resto do tempo molenga e dormi sem perceber de tão relaxado que meu corpo estava.

Domingo de sol trincando nos 27ºC, acordamos naquela emoção de: vamos colocar o barco na água eeeeeeee… O Antti lembrou que tinha prometido uma carona para o Ville até uma cidade pros lados de Turku, Costa Oeste da Finlândia, pra pegar o carro do pai dele emprestado. Óbvio que uma ROAD TRIP é emocionante para quem veio de outro país. Almoçamos em Turku, em um barco com temática de assassinos fugitivos!!! ( e que a especial aqui esqueceu o celular no carro e só tem foto no celular do Ville D:) e gaivotas tentaram roubar nossa comida. Vi esse navio legal, que é um dos maiores navios de embarcação deles e vi toda a área de embarcações de carga, deu até pra lembrar de Santos mas em uma proporção 300x menor. Pegamos uma balsa e chegamos em outra balsa, que vai pra Suécia e é onde o pai do Ville trabalha. Ele nos levou pra ver os maquinários e tudo lá dentro! Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a FeraChegamos em Tampere por volta das 22:30 e fomos direto pra casa do pai do Antti, pegar o barco ♥ até hoje, eu só tinha passeado de balsa, a sensação de estar no meio de um lago foi  ♥ ♥ ♥ juro que agradeço todos os dias por esses momentos. Fomos até Lempaala, passeamos no centro e voltamos. Foi um dia exaustivo, que quase fui carregada até a cama de tão podre que estava. Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a FeraAgora, com toda certeza, eu entendo o que os personagens da obra de Shakespeare sentiram e porque o verão é tão esperado pelos finlandeses! Mid Night Sum / Mid Summer | A Bela, não a Fera

Pra finalizar, uma foto nossa porque sim 

14.06.2016

Pyynikin Näkötirni – Tampere

Pyynikin Näkötirni - Tampere / Finland | A Bela, não a Fera

Pyynikin Näkötirni ( Torre de Observação Pyynikin ) foi construída em 1929, por Vilho Kolhon em comemoração aos 150º aniversário da cidade de Tampere, já que a primeira torre de observação era feita de madeira e foi danificada na Guerra Cívil de 1918. A torre fica 152 metros acima do topo do cume do nível do mar Pyynikki. Ao pé da torre, existe uma aconchegante cafeteria com o melhor Donuts de todos – foi assim que comemorei o dia dos namorados, pelo menos pra mim, já que a data não significa nada pra eles aqui  😀

Pyynikki é o maior cume do mundo, formado na Era Glacial, feito de cascalho e/ou areia. Dá pra ver Näsijävi (considerado o 16º maior lago da Finlândia), Näsinneula ( outra torre de observação que tem 134,5 metros), o centro da cidade de Tampere e Pyhäärvi (um lago central) :3Pyynikin Näkötirni - Tampere / Finland | A Bela, não a Fera

O ingresso para subir na Torre é de apenas 2 euros, o que não é caro se você parar pra pensar o absurdo que é o valor pra subir em lugares como o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro e__ePyynikin Näkötirni - Tampere / Finland | A Bela, não a Fera

Nós decidimos fazer uma trilha para chegar em algum ponto aleatório –pra mim, porque ele sabia bem onde queria me levar. Chegamos á essa visão aí, linda e que eu tive a oportunidade de fechar os olhos e agradecer aos Deuses por mais um dia. Postais - Finland | A Bela, não a Fera

Pra todo lado que você olha, tem alguma floresta te esperando com trilhas. Minha meta á partir de agora é ir caminhar por esses caminhos desconhecidos –pra mim, novamente fixando kkk – todo santo dia, já que TUDO é perto 😀

Vou tentar colocar o vídeozinho que fiz na torre no youtube, então fiquem de olho no canal! IMG_20160611_120605566

Aproveitando o passeio, tive que ir atrás de uns postais para meu pai e para minha mãe. Deu até dózinha de usar os selos de tão lindos – SOU DESSAS QUE TEM UMA CAIXA DE ADESIVOS DE CADERNOS GUARDADOS PRA COLAR TUDO NO MEU CAIXÃO PQ EM VIDA NUNCA TEREI LUGAR PRA COLÁ-LOS  HSIUHAUISHUIAHUSIHA 😛

O Muumi é um mundo com  personagens infantis famosos aqui na Finlândia e também na Suécia. Esse branquinho é o mais famoso e que eu nem sei o nome. O outro postal, de duas véinhas é bem a cara da minha mãe e minha avó brigando pra ver a temperatura do tempo <3

Se vocês tem dúvida se estou vivendo bons momentos aqui, releiam todos os posts do Destino Friolândia 😀

As primeiras 24 horas de viagem | Final de Semana em Tampere 

07.06.2016

Final de Semana em Tampere | Destino Friolândia

E lá vai a pessoa mais perdida do planeta, inventar de sair da cidadezinha do interior que está (Porvoo) para desbravar a Finlândia.

Como o Antti tinha me pegado no aeroporto e deixado direto no hostel, eu ainda não tinha pego nenhum ônibus sozinha e Host teve bebê na sexta (27/05), eu pude tirar o final de semana para passear.

Eu arrumei minha mala assim que terminei meus trabalhos da sexta e avisei aos pais da Host que eu ia para Tampere, o pai dela quis me levar pra rodoviária de Porvoo, o que foi uma puta mão na roda! HAHAAH De lá, peguei um ônibus para Helsinki, que custou 8 euros. Helsinki - Finlândia | A Bela, não a Fera

Quem me encontrou na rodoviária de Helsinki foi o Evert, um outro amigo online ( e que chamo de irmão mais novo) que tá aprendendo a Língua Portuguesa comigo. Ele me levou pra dar uma volta no centro da Capital e bem, o passeio durou, no máximo, meia hora por que é isso o que tem pra ver HAHAHAHA Sério! É minúsculo!
Helsinki - Finlândia | A Bela, não a FeraO que a gorda encontrou no mercado? Sim, Guaraná Antártica e bem, está escrito ‘legítimo do Brasil’ mas é feito em Portugal. Lógica? Nenhuma. 

Quando eu percebi que já tava super tarde, por que a viagem para Tampere de ônibus leva em torno de 2h30, corri pra pegar o Tram, que custou 27 euros, que é um trem super rápido e que me deixaria no meu destino em apenas 1h30! Tampere - Finlândia | A Bela, não a Fera

-O que eu fui fazer em Tampere? 

Ver o Antti, óbvio HAHAAH

Aproveitei pra ser uma fofa com ele e fiz um Spaguetti com suco de Jabuticaba! E o galego nem gostou, né?! Imagina. E já pediu mais.

Eu dei pra ele uma embalagem de café Extra Forte, como tinha prometido e o bichinho ficou viciadão. Aqui eles tomam muito café, só que como eu disse no post anterior, é um CHÁFÉTampere - Finlândia | A Bela, não a FeraNo sábado, ele me levou pra conhecer o centro de Tampere, que não é muito maior do que o de Helsinki. 

Como todas as cidades do país, tem muitos lagos com barcos dos rycos. HAHA Juro que tentei tirar foto de tudo possível mas eu tava tão encantada, que não conseguia lembrar disso!
Tampere - Finlândia | A Bela, não a Fera Tampere - Finlândia | A Bela, não a Fera Tampere - Finlândia | A Bela, não a Fera

Quando o passeio emocionante pelo centro de Tampere acabou ( e que durou um pouco mais do que em Helsinki), uns amigos dele ligaram falando que queriam ‘dar um rolê‘ e eu imaginei algo muito chato zZzz  porque o Antti seria o motorista da noite já que todo mundo tinha bebido.

O cara me para com uma puta van, caindo lata de cerveja de dentro e cara, parecia episodio de série adolescente. Ficamos rodando de um lado pro outro da cidade com o som nas alturas, eles pararam pra comer em um lugar random e depois, o Ville deu a fofa ideia do Antti me levar nesse lugar. A foto seria mais linda se eu tivesse um celular melhor mas a lembrança tá na minha mente 🙂 É tipo um morro, que dá pra ver um dos lagos e uma parte da cidade.
Tampere - Finlândia | A Bela, não a Fera

Eu voltei no domingo, após uma luta de quase 3 horas pra conseguir algum meio de transporte que ainda tivesse passagens para serem vendidas para a voltar pra Helsinki, já que estava tudo esgotado: ônibus e trem 🙁

Vale ressaltar o serviço PORCO da empresa ONNIBUS. Eu cheguei no ponto pra pegar o ônibus no horário certo, que estava marcando no site. Quando fui pagar, não aceitaram dinheiro e tinha que pagar com cartão. A maquininha BOSTA deles não estava funcionando e eu pensei que fosse problema no meu cartão, então o Antti tentou pagar com o cartão dele e não rolou. Óbvio que é culpa da maquininha. Ao invés deles me darem uma opção de pagar em dinheiro ou simplesmente eu fazer a viagem de graça e pagar quando chegasse em Helsinki (afinal, o problema era deles, não meu) ou qualquer coisa do tipo, O MOTORISTA SIMPLESMENTE COMEÇOU A FECHAR A PORTA DO ÔNIBUS E FOI EMBORA. Juro que eu fiquei possessa de raiva com algo que era pra ser simples. Tampere - Finlândia | A Bela, não a Fera

Voltei super mimada com o final de semana que o Antti me proporcionou e queria apenas dizer que ele me pediu em namoro na hora que eu tava indo embora.

Não sei como finalizar esse post mas quero dizer que se eu fosse você, não perdia os próximos post aqui no blog e os vídeos lá no canal 😮

Página 4 de 512345
Translate »