02.01.2017

52 álbuns em 52 semanas – ( Dezembro 2016 )

45º Semana

Bob Dylan – Bringing it all back home

Ano: 1965 / Formação:  Bob Dylan – Guitarra, harmónica, teclados, vocal / John H. Hammond Jr – Guitarra / John Sebastian – Baixo / Kenny Rankin – Guitarra / Bobby Gregg – Bateria

Disco pai: Johnny Cash – The Fabulous Johnny Cash (1959) /  Disco Filho:  O Bardo e o Banjo – Homepath (2014)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#CasaNaColina #FolkRock #VidaCampestre

Este é um dos 500 discos do Rock’n’Roll que você precisa escutar. Não que seja o melhor do Bob Dylan. Gosto da pegada folk rock com as letras

Além de ter esse vídeo no canal do próprio Dylan que conta como foi composta a capa do CD.

46º Semana

Breaking Benjamin – Phobia

Ano: 2006 / Formação: Benjamin Burnley – lead vocals, backing vocals, rhythm guitar | Aaron Fincke – lead guitar | Mark James Klepaski – bass guitar / Chad Szeliga – drums

Disco pai: Three Days Grace – Three Days Grace (2003) /  Disco Filho: Skillet – Awake (2009)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#Revenge #EscreverCartasParaoPassado #TardesDeChuvaOlhandoProNada

As letras tem uma pegada de angústia, não sei explicar como foi a primeira hora escutando esse álbum. Só sei que lembrei muito de Three Days Grace!  Acabei curtindo uma boa BAD VIBE com as faixas do Phobia, nos quais as letras te jogam as verdades da vida. A música Unknown Soldier é sobre um homem lutando duas guerras e querendo terminá-las.

47º Semana


Lana Del Rey – Ultraviolence

Ano: 2014 / Formação: Lana Del Rey: vocais, vocal de apoio, composição +Outros

Disco pai: Ellie Goulding – Halcyon (2012) /  Disco Filho: Halsey – Badlands (2015)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#MorrerAosPoucos #Vintage #SofrerPorAmor

Eu tenho uma síndrome do ‘se todo mundo gosta e hypa, eu não gosto’ -sem mesmo ouvir. Depois de tanta insistência da minha amiga, decidi parar para escutar um álbum INTEIRO da Lana sem desejar morrer. Sempre defini o som dela como ‘vamos deitar no tapete da sala e morrer lentamente’.  As fotografias dos clipes são muito maravilhosas mas eu não consigo gostar das música por algum motivo -vulgo ainda não desejo morrer. É o ápice do depressivo, não sei lidar. E pra falar que não tentei, escutei o álbum por duas semanas e nem uma musiquinha me acalentou o coração. Pode ser difícil pra um fã entender quando alguém não gosta de algo mas não foi dessa vez D:

48º Semana

Marina and the Diamonds – Froot

Ano: 2015 / Formação: Marina – Vocal / Peter Carr — Teclado / Dan Gulino — Baixo / Jonathan Shone — Teclado / Sebastian Strassbürger— Bateria / Benjamin Fletcher;— Guitarra

Disco pai: Lily Allen – Saturday Night Live (2007)/  Disco Filho: Tove Lo – Lady Wood (2016)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#Boatchey #MaquiagemAnos50 #TomarUmChampgneNaCamaRedondaComSeda

Devo ter escutado uma música ou outra lá n auge dos emos (2007) e lembro de ter achado bem Dance Music. E depois de me deliciar com Froot, continuei com a ideia de Dance! E não sei porque as pessoas comparam a Marina com a Lana o.O Por causa do estilo anos 50? As letras são bem revolts também e me trouxeram um pouco de auto-conhecimento com I’m a Ruin porque a letra é sobre mar a si mesma de uma forma egoísta -e por que não???


Tanto artista bom que já passou por esse desafio que nem acredito que só falta esse mês para terminar! Ah, e a postagem está saindo na primeira segundona do mês/ano porque os últimos dias foram pra curtir as celebrações e tirar um tempinho pra ler 🎈✨

Não se esqueça, a postagem do 52 álbuns em 52 semanas aparece na última quinta-feira do mês!

Não entendeu como funciona o desafio musical? Clica aqui.

Confira como foram os meses Janeiro | Fevereiro | Março | Abril | Maio | Junho | Julho | Agosto | Setembro | Outubro | Novembro

Tem algum som que gostaria de indicar pra eu ouvir? Deixa nos comentários!

29.11.2016

52 álbuns em 52 semanas – ( Novembro 2016 )

52 álbuns para escutar | A Bela, não a Fera

41º Semana

Florence and the Machine - lungs | A Bela, não a Fera

Florence and the Machine – Lungs

Ano: 2009 / Formação: Florence Welch – voz /Isabella Summers – teclado / Robert Ackroyd – guitarra / Mark Saunders – baixo e percussão / Christopher Lloyd Hayden – bateria / Rusty Bradshaw – piano / Tom Monger – harpa

Disco pai: Adele – 19 (2008) /  Disco Filho: Florence + the machine (2011)

 TOP 3 HITS

 

 

TAG – Para quem gosta de:#MostrarQueSuperouoFimDoNamoro #IntoTheWoods #SagaCrepúsculo

Conheci Florence and the Machines com a música Kiss With a Fist, que fez parte do filme Garota Infernal -e da minha vida porque na época eu tava enrolada com um carinha sem personalidade e eu queria esfregar a cara dele no chão o tempo todo HUSIHAUISHUIHAUISH Também lembro que baixei o CD completo e ficou amorzinho na minha playlist do IPod. Sobre as faixas, Heaven in your arms é a mais famosa por fazer parte da trilha sonora do filme Eclipse ( saga Crepúsculo) e como todo bom e álbum que entra pros queridinhos, as letras são inspiradas por um relacionamento de Florence que chegou ao fim (Adele deixou seu like aqui kkk). O álbum brinca com o pop e o índie: alegres e ao mesmo tempo melancólicas (tem quem classifique como Neofolk também). Sei que depois desse álbum, a sonoridade da banda mudou – e muito – mas vale a pena dar chance primeiramente para esse álbum.

42º Semana

Depeche Mode - Misc for the masses | A Bela, não a Fera

Depeche Mode – Music for the masses 

Ano: 1987/ Formação:  David Gahan – vocal / Martin Gore – teclado, guitarra e vocal / Andrew Fletcher – teclado, baixo

Disco pai: The Cure – Pornography  (1982) /  Disco Filho: Deftones – Adrenaline (1995)

 TOP 3 HITS

 

TAG – Para quem gosta de:#Melancolia #Escuro #Samples

✓ A primeira impressão que você terá é de entrar em um mundo completamente obscuro. Ainda mais: se você é fan de The Cure: essa é aquela banda que dará mais alguns bons 13 álbuns para explorar. A verdade é que conheci a banda por influencia do ‘meu’ primeiro tatuador 🤓🤓🤓 O Music for the Masses é o sexto álbum da banda e o primeiro a usar uma guitarra (!!!). Mesmo sendo obscuro é dançante, profundo e introspectivo. Sei que não esta TOP 3 HISTS ali mas escute Agente Orange , porque o instrumental retrata a guerra fria! Confesso que gosto muito dessa pegada dançante do final dos anos 80 e começo dos noventa.

43º Semana

Elvis Preasley - Viva Las Vegas | A Bela, não a Fera

Elvis Preasley – Viva Las Vegas

Ano: 1964  Formação: Elvis – Vocal (e mais uma porrada de músicos que ajudaram)

Disco pai: Dean Martin – Country Style (1963) /  Disco Filho: Elvis Preasley – From Memphis To Vegas/From Vegas To Memphis (1969)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#LasVegas #Corridas #Musicais

✓ Se você nunca assistiu ao musical Viva Las Vegas, pare tudo e vá lá assistir… Oii! Você voltou! Gostou do filme, que eu sei. Para época que foi lançado, foi muito bem comentado pela riqueza da trilha sonora: Elvis cantou com Ann-Margret, uma atriz e cantora sueca.  Se você não parou pra assistir: o filme conta a história de um piloto que que sonha em disputar uma corrida em Las Vegas e que acaba se apaixonando por uma moça muiito das arrogantes. Elvis é Elvis e eu nem sei como seria resenhar esse álbum sem dizer: é o mito do Rock, baby!!!

44º Semana

 

Melanie Martinez - Cry Baby | A Bela, não a FeraMelanie Martinez – Cry Baby

Ano: 2015 / Formação: Melanie Martinez – voz e composição/ Kinetics & One Love – Composição, produção, engenharia/ Emily Warren – Composição/ Kyle Shearer – Composição, produção / Babydaddy – Composição, produção, teclado, programação / +Outros

Disco pai: Ellie Goulding – Lights (2010) /  Disco Filho: Aguardando segundo álbum…

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#BrincarDeBoneca #PastelGothic #Tim Burton

Esse nome pode não ser mais estranho para a maioria de vocês: Melanie Martinez ganhou o coração dos jovens com suas canções fofas e vingativas. O CD Cry Baby é basicamente a história de uma criança para adultos. No começo do CD você perceberá uma Cry Baby vulnerável e insegura e no decorrer da história, ela cresce e aprende com suas próprias experiências. O estilo das músicas é simplesmente maravilhoso pelas influenças: do pop e o indie e seu fascínio pelas obras de Tim Burton, a cantora afirma ter assistido filmes do diretor antes de compor as faixas do álbum.


Com as postagens coletivas, o projeto perdeu mais uma vez a data de ser postado mas tá aqui, firme e forte e caminhando para a reta final: só mais dois meses! No mês de Dezembro também estarei participando de blogagem coletiva e ainda não sei como e quando será o dia do post do projeto mas vou te dar uma dica: lá na home do blog tem uma aba só para o 52 álbuns em 52 semanas!

Não se esqueça, a postagem do 52 álbuns em 52 semanas aparece na última quinta-feira do mês!

Não entendeu como funciona o desafio musical? Clica aqui.

Confira como foram os meses Janeiro | Fevereiro | Março | Abril | Maio | Junho | Julho | Agosto | Setembro | Outubro

Tem algum som que gostaria de indicar pra eu ouvir? Deixa nos comentários!

27.10.2016

52 álbuns em 52 semanas – ( Outubro 2016 )

52 álbuns para escutar | A Bela, não a Fera

37º Semana

Emery - The Question

Emery – The Question

Ano: 2005 / Formação: Josh Head – keyboards/ Toby Morrell –  additional guitars / Devin Shelton – co-lead vocals, rhythm guitar / Matt Carter – lead guitar, backing vocals / Joel “Chopper” Green – bass

Disco pai: The Used – In Love and Death (2004)  /  Disco Filho: Emery – You Are Never Alone (2015)

 TOP 3 HITS

 

TAG – Para quem gosta de:#SeguirDeus #ChorarUmAmorNãoCorrespondido

Cara, eu lembro que em 2007, mais ou menos, ouvi a primeira música do Emery que chama Listening to Freddy Mercury (que conta sobre os pecados e coisas que adolescentes passam durante a vida), e amo o finalzinho da música que eles cantam:

Gary se embriaga para esquecer Sarah

Sarah está roubando dinheiro de seus pais

Aaron está mentindo direto para Jon

Sobre Megan e as coisas que aconteciam

Jessica é uma fofoqueira, Laura é uma puta

Derrick bate em Bridget e Ben vende drogas

Seth gasta todo o dinheiro em jogos

Joey deixou de rezar…

A banda é emo-cristã (ou PostHardcore) mas os integrantes negam que a banda tenha esse título, mesmo com todos os integrantes sendo Cristãos. Quantas noites não passei ouvindo no meu ipod esse álbum? Nunca saberei dizer! E fiquei muito surpresa quando criei o projeto e meu amigo indicou Emery! Depois de um ano, eles lançaram um Deluxe Edition mas eu sempre preferi o primeiro, tanto que foi super difícil escolher só três músicas para convencer você a escutá-los!

38º Semana

Caro Emerald - The Shocking Miss Emerald CD

Caro Emerald – The Shocking Miss Emerald 

Ano: 2013 / Formação: Esmeralda Caroline van der Leeuw

Disco pai: Ella Fitzgerard  (1940)  /  Disco Filho: Esperanza Spalding – Emily’s D+Evolution (2016)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#PinUp #BonsDrinks #VertidoEBatomVermelho

A linda da Pri, do Vintage Pri, que me indicou esse amorzinho! Eu não tinha ligado o nome á pessoa e quando fui procurar as músicas dela pra baixar, lembrei que assim que eu cheguei na Finlândia, teria um festival de Jazz que ela cantaria! Mas óh, ela não é daqui, ela é da Holanda! Sabe aquela pegada de luzes apagadas, velas, vinho e um bom LP tocando? É assim que me sinto ao ouvir as músicas dela! Parece que me transporta para 1930-1940 mas me deixando com os pés firmes no pop. Parece que á qualquer momento vou estar dentro de um filme e até uma manhã cozinhando o almoço fica mais animada ao som da Caro! Recomendo para quem procura algo com ar vintage para remexer os pezinhos.

39º Semana

 

Wu Tang Clan - Iron Flag CDWu Tang Clan – Iron Flag

Ano: 2001 / Formação:  Ol’ Dirty Bastard (falecido) / RZA / GZA /Method Man /
Raekwon / Ghostface Killah / Inspectah Deck / U-God / Masta Killa

Disco pai: Wu Tang Clan –36 Chambers (1991) /  Disco Filho: Do Protesto á Resistência (DPR) – Realidade Das Ruas (2016)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#ProtestoEResistência #Rimas #Irmandade

Por mais engraçado que possa parecer, uns anos atrás eu achava que o Wu Tang Clan era UMA MARCA! Por causa dos 300 editoriais de moda que eu via os modelos usando a camiseta do grupo americano de HipHop.  Tive que fazer uma básica pesquisa porque pela primeira vez no projeto, eu não sabia naaaada sobre os indicados! O Clan foi formado em 1989 por  Ol’ Dirty Bastard, RZA e GZA e depois de algum tempo mais integrantes juntaram-se á eles. E como você já deve saber, o rap e o hiphop é uma forma de expressar o esforço da sobrevivência e protestos para uma vida melhor. Na música Rules eles cantam:

Who the fuck knocked our buildings down/ Who the man behind the World Trade massacres, step up now!

Como protesto ao ataque ás Torres Gêmeas (2001). E esse álbum definitivamente entrou para a minha playlist no Ipod!

40º Semana

Tame Impala - InnerSpeaker CD

Tame Impala – InnerSpeaker  

Ano: 2010 / Formação: Kevin Parker – guitarra principal e vocais / Cam Avery – baixo e vocais de apoio / Dominic Simper -guitarra e sintetizador /Jay Watson – sintetizador, vocais de apoio e guitarra / Julien Barbagallo – bateria

Disco pai: The Beatles – Yellow Submarine (1969) /  Disco Filho: Tame Impala –  Currents (2015)

 TOP 3 HITS

TAG – Para quem gosta de:#Alucinógenos #BoasVibrações #Sintetizadores

Quando minha amiga me manda algum link no facebook ou fala pra eu escutar alguma música, sei que terá psicodelia ou algo bem macabro HAHAH Dito e feito! O Tame Impala, da Austrália, tem uma pegada bem alucinógenos e lembra muitas bandas dos anos 60/70 como Led Zeppelin! Pra quem não sabe, o rock psicodélico tentava replicar os efeitos e realçar a experiência de mente alterada dos alucinógenos, incorporando novos efeitos eletrônicos, solos estendidos, improvisação e o uso de instrumentos exóticos ( como os da música Indiana) e as letras fazem referência direta ou indireta às drogas. Como ontem eu estava assistindo Almost Famous, senti uma certa paixonite pela banda e acabei baixando todos os álbuns ehe.


O que dizer desse mês de outubro com a mistura de emo, jazz, psicodelia e hiphop? 🤔😍💘

Falta tão pouquinho pro projeto acabar que eu já estou desejando prorrogar ele por tempo indeterminado! O que acham?

Não se esqueça, a postagem do 52 álbuns em 52 semanas aparece na última quinta-feira do mês!

Não entendeu como funciona o desafio musical? Clica aqui.

Confira como foram os meses Janeiro | Fevereiro | Março | Abril | Maio | Junho | Julho | Agosto | Setembro

Tem algum som que gostaria de indicar pra eu ouvir? Deixa nos comentários!

Página 1 de 41234
Translate »